domingo, 15 de setembro de 2013



Príncipe glorioso do céu, protetor das almas, eu Vos invoco para que me livreis de toda adversidade e de todo o pecado, fazendo-me progredir no serviço de Deus e conseguindo-me dele a graça da perseverança final, que me faça gozá-la eternamente, amém!

São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede nosso refúgio contra a maldade e as ciladas do demônio. Ordene-lhe Deus, o pedimos, e vós, príncipe da milícia celeste, pela virtude divina, precipitai ao inferno a Satanás e a todos os espíritos malignos que andam pelo mundo para perder as almas.

Vós, príncipe dos exércitos celestes, vencedor do dragão infernal, recebestes de Deus força e poder para aniquilar, pela humanidade, a soberba do príncipe das trevas. Insistentemente vos suplicamos que nos alcanceis de Deus a verdadeira humildade de coração, uma fidelidade inabalável no cumprimento contínuo da vontade de Deus e uma grande fortaleza no sofrimento e na penúria.

Ao comparecermos perante o tribunal de Deus, socorrei-nos para que não desfaleçamos. São Miguel Arcanjo, defendei-nos e protejei-nos. Amém!

“São Miguel Arcanjo, defendei-me no combate!”